A Importância da Educação Financeira Infantil Na Construção de uma Sociedade Saudável

0
Habilidades do século 21

À primeira vista, sabemos que entender sobre finanças não faz parte da realidade do nosso ensino como deveria. Temos consciência de que vivemos em um mundo totalmente globalizado. O consumismo coloca a vulnerabilidade das crianças em xeque. Porém, temos em nossas mãos uma ferramenta que se aplicada desde cedo na vida de um cidadão contribui para a construção de uma sociedade saudável: A Educação Financeira. Entenda a importância da Educação Financeira Infantil no artigo de hoje.

O Conceito Da Educação Financeira

Para muitas pessoas, a importância da educação financeira infantil consiste apenas em conseguir riquezas e fortunas. Ou seja, sempre estar atrás dos milhões que elas precisam. Isso é um dos sinais mais claros da falta de educação financeira. Atualmente, consideramos o ensino da educação financeira muito mais profundo.

Acima de tudo, na sociedade em que vivemos, o dinheiro é sinônimo de segurança e qualidade de vida.  Em outras palavras, quem não tiver conhecimento para administrar seu próprio dinheiro, pode enfrentar alguns desafios no decorrer da vida.

Nesse sentido, concluímos que a educação financeira é muito mais do que apenas atingir uma independência financeira. Ao passo que conduzir pessoas a realizarem boas escolhas quanto a sua vida financeira é seu maior objetivo.

A Importância da Educação Financeira como Cicatrização de Feridas Deixadas Pela Economia

Seja como for, a educação financeira é considerada novidade para a grande maioria dos brasileiros. Principalmente quando envolvemos as crianças, é comum achar precoce ensinar sobre dinheiro, finanças ou planejamentos financeiros. Mas, identificamos em nossa economia grandes impasses. Incluir a educação financeira na rotina das crianças é essencial. Sendo assim, ela é uma das formas de “alfabetização infantil”.

A Educação Financeira Proporciona Mudanças na Estrutura Familiar

Imediatamente, com a evolução do tempo, percebemos mudanças econômicas drásticas dentro de milhares de famílias. Os momentos em família se tornam cada vez mais esporádicos e a educação das crianças fica sob responsabilidade da escola. Todavia, é imprescindível entender que consumismo não é uma medida de amor. O ensino da educação financeira para crianças proporciona tal consciência a ponto de criar mais diálogos entre pais e filhos. E no caso dos mais pequeninos, muitos momentos de lazer e aprendizado em conjunto.

Educação Financeira nas Escolas

Nesse interim, entendemos que a escoa participa ativamente do desenvolvimento financeiro de uma criança ou de um adolescente. Assim como é importante ensinar crianças a lidarem com o dinheiro dentro de casa, é necessário também na escola. Afinal, o ambiente escolar serve justamente para reforçar de forma teórica e técnica o que deve ser ensinado pelos pais ou responsáveis em casa.

Pensando nisso, o grande papel da escola nesse sentido, é auxiliar na formação de profissionais capacitados, com conhecimento para levar uma vida financeira profissional saudável. Bem como, uma vida financeira pessoal consciente. Ao mesmo tempo, na escola as crianças lidam com situações que exigem o domínio do dinheiro.

Portanto, não se esqueça, existe importância da educação financeira infantil. Ensinar crianças a como lidar com o dinheiro vai muito além do que imaginamos. Mas sim, o que é ensinado através do dinheiro, como resolução de problemas, escolhas conscientes, saber doer tempo e talento de valor e a capacidade de se planejar. E principalmente, agir com ética.

Se você gostou desse artigo, convido você a conhecer a nossa escola. Matricule seu filho na MBA Kids e comece a planejar o futuro do seu pequeno. 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *